Retornar a primeira página


ECKENBERGER, Reinaldo

Pintor, desenhista, gravador, escultor e ceramista.
Reinaldo Eckenberger (1938: Buenos Aires, Argentina).

Seus trabalhos são “irônicos e transgressores”. Recebeu influências da pop art e do expressionismo, mas sua obra permanece impossível de classificar como orientação estética.

Final da década de 1950 – Estudou arquitetura, mas optou posteriormente pelas artes visuais. Frequentou a Escola Superior de Belas Artes de sua cidade natal, onde realizou a primeira individual (1956). Fez curso de cenografia no TeatroTeatro Colón, da capital argentina.
1964 – Veio para o Brasil.
1965 - Foi residir em Salvador e, no ano seguinte, obteve 1º Prêmio de pintura na 1ª Bienal de Artes Plásticas, realizada naquela cidade. Nascido na Argentina e tendo vivido em países europeus, foi na Bahia que Reinaldo criou raízes, afirmando: “(...) só uma cidade barroca como Salvador poderia melhor abrigar o barroquismo de minha arte”.
2008 – Mostra Eckenberger, Obras 1965 – 2008, no Palacete Rodin das Artes, Salvador, com curadoria de Dimitri Ganzelevitch.

Entre outras, participou das seguintes mostras coletivas:
1966 - Bienal Nacional de Artes Plásticas, Salvador, BA
1967 - Salão de Arte Contemporânea de Campinas, SP; Bienal Internacional de São Paulo, SP.
1972, 26, 77 - Museu de Arte Moderna, São Paulo, SP.
1985 - Salão Paulista de Arte Contemporânea, Fundação Bienal, São Paulo, SP.
1994 e 95 - Museu de Arte Moderna, Salvador, BA.
1999 - 100 Artistas Plásticos da Bahia, Museu de Arte Sacra, Salvador, BA.
1999 - Arte Salvador 450 Anos, Museu Histórico, Rio de Janeiro, RJ.


Fontes
PONTUAL, Roberto. Dicionário das artes plásticas no Brasil. Civilização Brasileira, 1969
< http://www.bahiaemfoco.com/noticia/6614/salvador-eckenberger-
expoe-no-palacete-daswww.bahiaemfoco.com/noticia/6614/salvador-eckenberger-expoe-no-palacete-das artes-rodin>

 

RMS